Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sab | 05.05.18

A mão que nos segura

Julieta
Obrigada por me trazeres à terra quando mais ando na lua, e por esse teu ombro, quando o chão parece que descai, pela manta quentinha quando tremo de frio, e pelo empurrão quando me falta o brio. Obrigada por esse teu coração tão bom, neste mundo gigante que eu não entendo. Obrigada por seres a paz no meio da trovoada, a luzinha naquela manhã enevoada. A mão que está sempre forte e que me segura, Sinto-me verdadeiramente abençoada.   Se um dia a vida me levar para longe de ti, prome (...)
Qui | 03.05.18

Palavras não ditas

Julieta
  Tu dizes para ti mesma (eu consigo), e repetes todos os dias. E tu achas que consegues. Mas a verdade é que não consegues. Quando ele te toca, tu não consegues. Não há como conseguir. Vá, repete mais uma vez. Mas entretanto sais de manhã com um beijinho de despedida e com a esperança de que não fique nada no pensamento, quando a verdade é que a única coisa que te ficou no pensamento o resto do dia, foi ele. Ele e aquele beijinho. Ele e aquela noite. Ele e aquele dia. Ele. Julieta